Mês: setembro 2010

Libertas quae sera tamen respexit inertem¹

Libertas quae sera tamen respexit inertem¹


Warning: sprintf(): Too few arguments in /home/barpi254/public_html/petla/wp-content/themes/writers/functions.php on line 188

Livre – pra sonhar, pra acordar e pra viver. Viver livre cada momento, sem apego e sem medo,destituindo-se da colombinapara viver um carnaval de ano inteiro. ¹Virgílio em Bucólicas Texto originariamente escrito em comentário no Blog de Janaina Galvão, em 17/08/2010.

Dois cafés e um sonho

Dois cafés e um sonho

– Café pra dois, mas o meu eu quero com mais leite que café, por favor. Cheguei pedindo no balcão com aquela cara de acabado. Eram 7 da noite de um domingo que me cansara mais do que a sexta e o sábado alcoólicos. Ambos extremamente alcoólicos, a ponto de ainda sentir o gosto forte …

+ Read More

Good Memories

Good Memories

You say you’re sorry and I believe again. Just one more mistake to grow our hope into another end. So tell me why are we trying so hard to save something that can´t be saved? The last time that I tried to be true Where were you to listen to my prays or stop feeling …

+ Read More

Polaroid Song¹

Polaroid Song¹


Warning: sprintf(): Too few arguments in /home/barpi254/public_html/petla/wp-content/themes/writers/functions.php on line 188

Eram passados das 10 da noite, quando o avião preparava-se para descer no Galeão. Depois do atraso injustificado para sair de Curitiba, cheguei tarde o suficiente para cancelar o primeiro evento em solo carioca. Como todos, um evento Culinário. Atualmente minha vida se resume a restaurantes, cafés e bares. Preferencialmente sem nenhuma veia de requinte. …

Meu Rock

Meu Rock

Vivi poucas horas no ar, em minha vida – curta, mas suficiente para mais. A primeira lembrança que tenho de embarcar em um avião é do início dos 1990, quando as passagens eram caríssimas e se economizava meses a fio comprá-las. O embarque era evento social na família, com reunião no saguão, fotos do embarque …

+ Read More

A Hora do Vôo

A Hora do Vôo

Esperava pelo meu vôo, que já se atrasa por mais de hora e ainda sem qualquer previsão embarque. Parei com meu isolamento no terminal e comecei a observar os rostos que me faziam companhia: pessoas sozinhas ou aos pares, observando os horários dos vôos, suas confirmações enquanto comparavam o que viam com seus relógios, desacreditados …

+ Read More

Dia da Cachaça

Dia da Cachaça

pão e águapão d’águapé d’águaaguardentedia ardente. (13 de setembro de 1661 – Legalização da Cachaça – http://bit.ly/cNOdGs)

Bola de Três Dedos

Bola de Três Dedos

Minha cabeça desceu a rua em espiral, chutada do alto do morro por um magrelo descalço, de bermuda suja e camisa do flamengo. Ele não diria, mas creio que era falsificada, comprada no melhor camelô oficialmente postado na Praça Rui Barbosa. Enquanto caminhava pela Nossa Senhora da Luz, viu aquele resto de mim ali, inútil, …

+ Read More

Sinto

Sinto

Quando sinto, sinto muito.Mas quando digo: ‘sinto muito’foi porque senti pouco,pelo pouco sem ti. from http://letsgoflyafreakingkite.tumblr.com/post/1072867849

Sorriso d’Alma

Sorriso d’Alma

Te avistei vindo uma quadra e pouco a minha frente, do lado oposto da rua. Eu andava pela esquerda, no sentido oposto ao trânsito. Vocês descia a Vicente Machado seguindo o fluxo. Não. O fluxo era que te seguia. Meu fluxo sanguíneo. Atravessei a rua lembrando de seu vestido xadrez, sua sapatilha vermelha, seus cabelos …

+ Read More