Mês: novembro 2006

Verão

Verão

“Hold up. Hold on. Don’t be scared. You’ll never change what’s been and gone.¹” Mechia o quadril, batucava no ar e contava o tempo torto com meu pé esquerdo. O olhar baixo, tenso, entregava a agonia que me corroia por dentro. “Cause all of the stars are fading away”. Meu pé direito começa a formigar. …

+ Read More

Yellow

Yellow

“Eu estou tão bem assim. Não tenho que me preocupar com nada, não tenho que dar satisfações, não preciso mais mentir nem esconder o que eu faço. Tudo tão aberto, tão claro. É lógico que às vezes faz falta, mas eu sou feliz comigo mesma. Auto-suficiente. Completa em mim”. Essa era a sua retórica. A …

+ Read More

Renascentistas

Renascentistas

Aqui estou eu, curando uma ressaca imensa que dois anos de abusos me impuseram. Cicatrizando loucuras que, por vezes, não sei se estavam erradas. Calçando minhas vias para saber até onde eu posso chegar. Mas por vezes ainda sem rumo. Mesmo assim, ainda dependente de tanto, ainda com a loucura por vezes imperando, ainda com …

+ Read More